Music Comes Alive!

Uma Petra no meio do caminho - Big me

Sujeito esperto, esse Dave Grohl.

Deixou de ser “apenas” o baterista no Nirvana pra ser “o cara” no Foo Fighters. Front man, guitarrista, vocal, compositor, empresário, roadie, faxineiro e o que mais aparecer pela frente. 

No acústico "Skin and Bones" isso fica claro. Ele só precisa do violão e microfone pra deixar a audiência hipnotizada e extasiada. O resto é acessório. 

Tudo ia muito bem, obrigado, naquele show em Los Angeles em 2006, até que começou "Big me". Havia uma Petra no caminho de Grohl.

Petra Haden.

A moça de vestido vermelho roubou a cena com sua presença discreta e desconcertante. Sentadinha, balançando a cabeça, olhos fechados, ninguém dava nada por ela. Quando ela solta o primeiro “I fell into” junto de Grohl, a versão acústica de Big me se transforma em algo bem especial.

Olhos continuam fechados e a voz de alcance impressionante e lindo timbre, aparece e se encaixa de forma marcante durante 3 minutos, tornando essa, de longe, a MELHOR versão já produzida desta faixa.

Mais conhecida pelos dotes de violinista, Grohl acerta a mão de novo ao colocar a filha do baixista de Jazz Charlie Handen no vocal.

Poderia ser melhor? CLARO que poderia. Era só colocá-la para cantar TODAS as músicas.

Vê se aprende, Dave!

Ultralite Powered by Tumblr | Designed by:Doinwork